Segurança Dicas para a segurança das crianças em piscinas

Todos sabemos: piscina é uma delícia! No entanto, uma série de cuidados é essencial para proteger as crianças e garantir que a diversão não traga problemas.

As crianças são naturalmente curiosas e quase nunca têm noção dos perigos que as cercam. No caso das piscinas, por exemplo, é comum que a criança não entenda a sua profundidade, o que pode ocasionar acidentes domésticos.

Felizmente, é possível precaver-se e evitar que a piscina seja um risco aos pequenos. Confira o que você pode fazer na estrutura, cuidado e uso da piscina em relação às crianças:

  • O ideal é que a área da piscina seja cercada. Ou seja, que o local seja isolado com muretas, grades ou cercas, com um portão de entrada que deve permanecer trancado.
  • Ao redor da piscina, procure aplicar piso antiderrapante. Caso a criança circule pela piscina, até mesmo com a supervisão de adultos, esta solução evita quedas na água e no solo (que pode causar fraturas).
  • Por falar nisso, sempre que houver uso da piscina, mesmo que crianças pequenas não estejam nadando, adultos precisam estar presentes no local. Assim, se alguma criança por acaso “invadir” o espaço da piscina, rapidamente o adulto pode conter a situação.
  • Quando não estiver em uso, mantenha a piscina sempre coberta com capas de proteção. Ensine a criança que, caso a piscina esteja coberta, ela não pode ser usada.
  • Faça com que a criança use sempre equipamentos de segurança na piscina. Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, crianças com menos de 04 anos devem usar coletes salva-vidas, uma vez que, pela dimensão do corpo, as boias (principalmente as de braço) podem sair facilmente durante o uso.
  • Tenha muito cuidado com a qualidade da água a fim de evitar intoxicações e alergias.
  • Piscinas aquecidas são mais confortáveis para os pequenos, já que a água gelada pode ser incômoda e causar muito frio. Assim que possível, invista em aquecedores solares.
  • Motores e demais aparelhos de funcionamento da piscina devem estar desligados durante o uso.
  • É importante que pais e mães tenham noções de primeiros socorros (relativos a afogamentos) para poderem agir em situações emergenciais.

Caso você precise equipar a sua piscina com itens de proteção e aquecimento, clique aqui.


comentários